quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

LEITURAS DO LECIONÁRIO REFORMADO PARA 1° DOMINGO APÓS DO NATAL

LEITURAS DO LECIONÁRIO REFORMADO PARA 1° DOMINGO APÓS DO NATAL, 31 DE DEZEMBRO DE 2017, ANO B, COR LITÚRGICA: BRANCA.

Antigo Testamento: Isaías 61.10 - 62.3
Salmo 148
Epístola: Gálatas 4.4-7
Evangelho: Lucas 2.22-40


"O MENINO CRESCIA E FICAVA FORTE" (*)

Embora, com a palavra, geralmente reconheçamos a humanidade legítima e completa de Jesus, muito em breve imaginamos que Ele não poderia ser igual a nós de nenhuma maneira. No entanto, a história do Evangelho de hoje mostra-nos José, Maria e o menino Jesus indo ao Templo para cumprir os preceitos mandados para todos os israelitas.
Esta cena tão humana e comum não carece da intervenção divina. Dois fieis anciãos israelitas profetizam. Nas palavras de Simeão e Ana podemos ver como Deus se revela: na simplicidade, no amor e na comunhão humana. Deus não precisa de pompa ou subjugação dos outros, a aparente fraqueza é a Sua maior força. 
O poder de Deus é pura ternura. E a sua ternura, sempre humilde, cresce e se fortalece até que todo o universo é conquistado pelo poder do amor. A alegria, a tristeza, a glória e a cruz da vida diária são os fios com os quais Deus tece a história, a nossa história que, por pura graça, é também a Sua. "O nosso Grande Sacerdote não é como aqueles que não são capazes de compreender as nossas fraquezas. Pelo contrário, temos um Grande Sacerdote que foi tentado do mesmo modo que nós, mas não pecou." (Hebreus 4.15)

"Iesus proficiebat sapientia aetate et gratia apud Deum et homines"

(*) Rev. Andrés Omar Ayala
Twitter: @andres_rdr

Nenhum comentário:

Postar um comentário