sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

LEITURAS DO LECIONÁRIO REFORMADO PARA o domingo dA transfiguração do senhor, 26 DE FEVEREIRO DE 2017ANO A, COR LITÚRGICA: BRANCA



Afresco da Transfiguração


Antigo Testamento: Êxodo 24.12-18

Salmo 2


Epístola: 2Pedro 1.16-21

Evangelho: Mateus 17.1-9


"PEDRO AINDA ESTAVA FALANDO, QUANDO UMA NUVEM LUMINOSA OS COBRIU COM SUA SOMBRA, E DA NUVEM SAIU UMA VOZ QUE DIZIA: 'ESTE É O MEU FILHO AMADO, QUE MUITO ME AGRADA. ESCUTEM O QUE ELE DIZ'." (Mateus 17.5)

(*) Diante de Pedro, Tiago e João, estava Jesus. Ficaram tão maravilhados com momentos de reserva com o Mestre que presenciaram uma iluminação imensa. Essa que representa para nós o esclarecimento das dúvidas, a resposta para as perguntas mais difíceis, o direcionamento que falta para a vida. Foi assim que apareceram, com Jesus, Moisés e Elias, duas figuras importantíssimas para dar o exemplo de fé e as palavras necessárias para se agradar a Deus. Com o desejo de estarem sempre ao lado dessas figuras tão importantes e necessárias ao alimento da fé, eles quiseram permanecer sempre com eles: fazendo barracas para que permanecessem em corpo. Portanto, o que se ouviu do céu foi um esclarecimento que os deixou certos de seu novo caminho: Jesus era tudo necessário para que a fé renovada fosse adiante conforme a vontade do Pai de Amor. Ouvir a voz de Jesus é o que precisamos. "Escutem o que ele diz". Com essa conexão, vemos que a missão de Jesus Cristo não começa somente na sua presença física entre nós, visto que ela é conectada com aqueles que vieram antes dele, com as leis e com as profecias. Por outro lado, ela também não se encerra com seu assassinato corpóreo, pelo contrário, ela se intensifica após essa morte, com a ressurreição e a necessidade de muitos falarem disso para o mundo todo. Não se pode deter a força da mensagem de Jesus Cristo com a morte. Ouçamos sua voz. Ela é suficiente para nossa direção ao Reino do Todo-Amor.

Der Herr sei mit uns!


Publicado toda quinta-feira (ou perto disso) por aqui e no Twitter @revsandroxavier.


Imagem: Afresco da Transfiguração, Parque Nacional de Goreme (Capadócia).

Nenhum comentário:

Postar um comentário