quinta-feira, 22 de setembro de 2016



LEITURAS DO LECIONÁRIO REFORMADO para o 19º Domingo após Pentecostes, 25 de setembro de 2016, Ano C, Cor Litúrgica: Verde.

Antigo Testamento: Jeremias 32.1-3a, 6-15

Salmo 91.1-6, 14-16 ou Amós 6.1a, 4-7 ou Salmo 146

Epístola: 1Timóteo 6.6-19

Evangelho: Lucas 16.19-31

"MAS ABRAÃO LHE DISSE: 'SE ELES NÃO ESCUTAM A MOISÉS E AOS PROFETAS, MESMO QUE UM DOS MORTOS RESSUSCITE, ELES NÃO FICARÃO CONVENCIDOS'." (Lucas 16.31)

(*) Em mais uma perícope, Jesus fala da dificuldade que alguém satisfeito com os bens deste mundo tem para entender o que passa um pobre. O amor ao dinheiro é motivo de perder a alma e lançá-la no inferno. Mammon arrebata para si aqueles que desperdiçam sua vida por dedicá-la ao que chamamos de bens e propriedades. Muitos poderiam dizer, ao fazermos tal afirmação, que é implicância com os mais abastados. Todavia, as palavras são do próprio Jesus Cristo. Aliás, o problema, entendemos, não é ter dinheiro, mas colocá-lo no coração no lugar do Deus Criador, que deve estar acima de todas as coisas. Quando não damos atenção ao que Jesus Cristo ensina pelas Sagradas Escrituras, estamos sendo como a família do rico, que ele tem certeza que não darão atenção a Moisés e aos profetas, ou seja, à Palavra de Deus. Podemos, portanto, afirmar, em paralelo com as palavras de Jesus, que se alguém não consegue perceber a realidade dos ensinamentos de Jesus pelas próprias palavras dele registradas no Evangelho, será que algum grande pregador fará essa pessoa entender mesmo o que o mestre quer dizer? Será que vai ser suficiente um púlpito eivado de efeitos de luz, atmosfera de fumaça, fundo musical envolvente, histórias mirabolantes e piadas elaboradas para que a pessoa aprenda a mensagem de amor do Salvador? Temos o suficiente com os ensinamentos de Jesus por meio do Evangelho. Importa que confrontemos nossa inércia em consultar a Palavra e também as mensagens eivadas de antievangelho travestidas de um jesus diametralmente contrário ao Cristo proclamado pelas Escrituras. Atentemos para a Palavra de Deus para que estejamos aptos ao seu Reino de Amor e justiça. Ouçamos sua voz nos dizendo que precisamos acolher os desfavorecidos deste mundo. É Jesus quem nos diz pelo Evangelho. Não espere que um super-herói lhe diga isso. Convertamo-nos ao Senhor... por sua Palavra suficiente.

Scripta Manent!

Publicado toda quinta-feira (ou perto disso) por aqui e no Twitter @revsandroxavier

Imagem: Bíblia e vela (anônimo).

Nenhum comentário:

Postar um comentário